7 de mar de 2010

Aspirina e mel para peles MISTAS



Não é nenhuma novidade que o Ácido Acetilsalicílico faça bem para a pele. Afinal, ele está presente na maioria dos cremes anti-acne do mercado. Que o mel também faz bem, não tinha dúvida. Ele possui enzimas que comprovadamente curam a pele, ajudando na regeneração desta, deixando-a jovem, macia e suave. Mas aspirina no rosto era novidade pra mim até algum tempo atrás. Eu testei e agora conto pra vocês o que rolou!
Mas antes, vamos contar porque a Aspirina pode deixar a pele limpa e bem cuidada. Como o comprimido apresenta o Ácido Acetilsalicílico em sua composição, ele vai ajudar nos processos anti-inflamatórios, o que ajuda no combate à acne. Também pode ser utilizado como um esfoliante, já que não se dissolve completamente na água (fica um pózinho). Nesse processo de esfoliação, as células mortas são removidas da superfície da pele, deixando o espaço livre para as novas células.
E não é só isso! O Ácido Acetilsalicílico também atua contra as rugas, pois trata-se de um composto que combate os radicais livres e com isso o envelhecimento precoce da pele. Ele também ajuda no clareamento de áreas mais escuras, sejam pelo tempo ou pelos danos de exposição ao sol, isso tudo em função do ácido.

Outra dica é a versão efervecente com vitamina C, que também atua contra os radicais livres, como cicatrizante e catalizador na produção de colágeno, que é essencial para a sustentação e firmeza da pele.

Mas como nada é perfeito, o Ácido Acetilsalicílico deixará a pele mais sucetível a ação do sol. Por isso é altamente recomendado o uso de protetor solar diariamente caso você resolva fazer essa máscara em casa. Protetor solar, aliás, deve ser usado sempre, como já foi dito em posts anteriores.

Outra dica importante: esta mascara deve ser aplicada apenas uma vez na semana, já que o uso exagerado do ácido acetilsalicílico pode provocar alergias. Então meninas, é só UMA VEZ POR SEMANA, tá?!

Vamos para a máscara! =D

Você vai precisar de:

3 comprimidos de aspirina ou 1 tablete na versão efervecente,
um píres,
uma colher de sopa,
água filtrada,
e mel.

Preparo e aplicação da versão comprimido:

Lave bem o rosto com um sabonete neutro. Seque bem. Em um pires, você deverá colocar os 3 comprimidos de aspirina com 2 colheres de sopa de água filtrada. Espere até dissolver e coloque 1/2 colher de sopa de mel junto à aspirina. Com os dedos misture bem os ingredientes e passe no rosto com movimentos circulares de dentro para fora. Esta versão será mais arenosa, perfeita para uma exfoliação mais profunda da pele. Lembre-se de evitar a área dos olhos, já que a pele é mais fininha neste local. Espere cerca de 15 minutos e retire com água abundante no local, também em movimentos circulares para esfoliar.

Preparo e aplicação da versão efervecente:

Nesta versão você não usará o mel junto à aspirina.
Com a colher de sopa, amasse o tablete efervescente. Ao colocar a água no pó, este começará a efervescer. Seja rápida para aplicar no rosto, já que o desejado é que um pouco dessa efervescência ocorra na pele, para ajudar na limpeza profunda dos poros. Lembre-se de evitar a área dos olhos. Você verá que o pó da aspirina efervecente é mais fino, não exfoliando tanto. Entretanto, o ato da efervescência completa a esfoliação, deixando a pele super limpa e fresca (é muito gostoso!). Espere 10 minutos e retire com água abundante em movimentos circulares.
Aplique o mel na seqüência. Aguarde entre 3 a 5 minutos e retire o mel com água.

Por fim de qualquer uma das aplicações, use o hidratante de sua preferência e caso vá sair ao sol, lembre-se de usar o protetor solar! Você sentirá sua pele mais limpa, fresca, macia e suave. E o melhor? Não gastamos nem R$ 10,00 para esta receita. A aspirina, que é comprada em cartelas, tem custo médio de R$ 1,45 e o mel não custa mais que R$ 6,00 (um vidro menor). Você conseguirá fazer pelo menos 3 máscaras com uma cartela de comprimidos (são 10 comprimidos por cartela) e o vidro de mel durará bastante, já que só usamos 1/2 colher de sopa em cada receita.

As duas receitas são ótimas! O melhor da receita com o comprimido comum é fazer tudo junto, numa só aplicação. O fato de a aspirina em comprimido demorar um pouco mais para dissolver deixa grãos maiores o que faz uma esfoliação mais profunda!
O melhor da receita efervescente são as bolhinhas... só que tem que ser muito rápido para aplicar no rosto, o que dificulta um pouco. O resultado é ótimo! Dá pra sentir a pele realmente limpa.
Eu adorei o resultado das duas versões. Confesso que a primeira é a que mais gostei por ser mais prática, mas a segunda é maravilhosa por causa das bolhinhas efervescentes!
Recomendo!

2 comentários:

Jenny disse...

Amigaaaaaaa ... não confunda! Ácido salicílico com Ácido Acetilsalicílico!!!!

Me desculpe, eu não sou dona da verdade, mas é que eu estava procurando a fórmula da aspirina, acabei encontrando o seu blog e não pude deixar de comentar.

As fórmulas químicas são diferentes e as suas aplicações também!

O ácido salicílico é um Beta-Hidroxiácido (ß-Hidroxiácido) com propriedades queratolíticas (esfoliantes) e antimicrobianas e o O ácido acetilsalicílico é um fármaco do grupo dos anti-inflamatórios não-esteroides (AINE), utilizado como anti-inflamatório, antipirético, analgésico e também como antiplaquetar.

Ou seja ... passar aspirina no rosto não vai deixar sua pele mais bonita.
Procure um bom dermatologista, ele vai saber, com certeza, o que é melhor para o seu tipo de pele.

Letícia Uesugi disse...

Obrigada Jenny. Esta foi uma receita transcrita do inglês. Devo ter traduzido errado... =)

Bom... eu uso essa máscara da aspirina com mel e ajuda legal... não é algo que deixa a pele linda... mas deixa gostosa.
Já comentei com minha dermatologista sobre essa receita e esta disse que não tinha nenhuma contraindicação. Então, uma vez ao mês eu faço... e quando sinto a pele cansada. Pra mim funciona bem. =D